Bosques da Noruega

Hoje, para variar, não trago receitas. Trago-vos uma recente paixão, os Bosques da Noruega.
Confesso que não era nada adepta de ter animais em casa, apesar da pequena me pedir quase todo o santo dia. Gatos então.... nem pensar... (por vezes haviamos de morder a língua para não dizer baboseiras...lol ).
Há uns meses, ao passar numa loja de animais, apaixonámo-nos por um Bosques da Noruega, mas o preço era totalmente inacessível, o assunto acabou por ficar "encerrado", sem ficar esquecido...
Descobrimos entre muitos criadores, umas pessoas a quem chamamos já de amigos, que são verdadeiros amantes de animais e pessoas incríveis, pois os seus pequenos estão sempre acima de qualquer interesse.
A Ana e o Emílio, na primeira breve apresentação que nos fizeram dos "meninos" deles, apelidaram-nos de deuses, e, a cada dia que passa, me convenço mais disso... É uma raça extraordinária.
Divulgo aqui o blog deles, visto que ainda têm gatinhos disponíveis, e mesmo que não estejam interessadas/os, não deixem de lá passar para se encantarem com os pequenos...
Queremos reforçar aqui o nosso eterno agradecimento amigos, pela forma simpática como nos receberam em vossa casa e pelo que nos ensinaram sobre os nossos meninos.




"Este felino é conhecido como o gato encantado das florestas escandinavas. Os Vikings chamavam-lhe “Fada da floresta”, uma vez que o gato se desenvolveu naturalmente em territórios próximos dos humanos.
De temperamento dócil e tolerante, o Bosques da Noruega é calmo e de humor estável. Gosta de ser acariciado e mimado. Aprecia a companhia de outros animais tornando-se por vezes companheiro inseparável do cão da família.

É um bom trepador e adora mostrar a sua supremacia. Dotado de uma inteligência e de uma curiosidade fora do comum, segue furtivamente os donos, investigando todas as suas actividades com o maior interesse. Bastante territorial e desconfiado em relação a estranhos, as visitas são alvo de uma minuciosa inspecção.
Aventureiro e brincalhão o Gato Bosques da Noruega é um animal activo, que gosta de passear no exterior. Há mesmo quem afirme que o gato é capaz de pescar. É bastante territorial."
Texto retirado daqui.
publicado por xana às 09:10 | link do post | comentar